16/08/2016

No Congresso Eucarístico, Dom Orani destaca vida religiosa

Arcebispo do Rio presidiu a Missa desta terça no Congresso Eucarístico; destaque foi para o trabalho dos religiosos

No segundo dia do Congresso Eucarístico Nacional, em curso em Belém (PA), a Missa desta terça-feira, 16, foi presidida pelo arcebispo do Rio de Janeiro, Cardeal Orani Tempesta. Na homilia, o arcebispo se concentrou no dom da vida religiosa para a evangelização na Amazônia

A Amazônia encontrou nos religiosos uma presença constante, e graças a eles essa região foi evangelizada, disse Dom Orani, recordando que, além do trabalho paroquial, há também os trabalhos sociais desenvolvidos por religiosos, em especial na área da educação. “Entidades católicas que levam os valores da pessoa humana e da vida em todos os cantos da Amazônia”.

Mencionando o Evangelho do dia, sobre o binômio trabalho-oração que se vê em Marta e Maria, Dom Orani lembrou que, diante das atividades cotidianas, não se pode esquecer da Palavra de Deus. Antes de qualquer atividade ou ativismo, disse, é preciso buscar a presença do Senhor e Sua palavra. E é nesse sentido que o bispo convidou os fiéis a lançarem um olhar sobre a Amazônia, com ênfase para o os religiosos que ali vivem.

Depois da criação das prelazias e dioceses, grande parte do trabalho na região é desempenhada por religiosos e religiosas, pessoas que, mesmo diante das várias dificuldades, vão levando essa bela e importante missão na história, destacou o cardeal.

À luz do Documento de Aparecida, Dom Orani recordou que se vive uma mudança de época, em que os valores cristãos são questionados e até mesmo nas escolas isso se faz presente. “Novas situações supõem busca em Cristo, em sentar aos pés do Senhor para ouvir Sua voz, deixar que Deus fale ao coração, para que os vários serviços da vida religiosa na Amazônia possa levar as pessoas a não se esquecerem dos verdadeiros valores que constroem o homem e o mundo”.

“Diante das situações que tentam cercear os valores cristãos, há o exemplo da vida religiosa, que, no passado remoto e recente, fez uma enorme diferença no trabalho educacional e deve também fazer hoje”, acrescentou ao arcebispo.

Dom Orani conclui expressando seu desejo de que, neste Congresso Eucarístico Nacional, todos os religiosos que trabalham na Amazônia possam se fortalecer para testemunhar os valores do Reino e, na diversidade de carismas, colocar-se a serviço dos irmãos.

“Queridos irmãos e irmãs, o Congresso Eucarístico é um momento sublime e, tendo escutado a convocação da palavra de Deus para anunciar o Evangelho, vamos a serviço de curar os corações feridos, sermos discípulos da misericórdia divina”.

O Congresso

O Congresso Eucarístico Nacional começou nesta segunda-feira, 15, e vai até domingo, 21. O objetivo do evento é tornar visível para todo o país a força da Eucaristia e a ação missionária na Amazônia.

Com o tema “Eucaristia e Partilha na Amazônia Missionária”, o evento acontece no ano do quarto centenário do início da evangelização na Amazônia e da fundação da cidade de Santa Maria de Belém do Grão Pará.

Jéssica Marçal
Da Redação

0 Comentários
Deixe o seu comentário!

Lojinha Boa Semente Faça seu Pedido: (88) 9 9772-3677

(88) 9.9693-0101 Notoris - Agência Digital