01/09/2015

MINHA VOCAÇÃO É ME DOAR E POR AMOR DAREI O MEU MELHOR

por Luzia Facundo da Silva/Boa Semente

MINHA VOCAÇÃO É ME DOAR E POR AMOR DAREI O MEU MELHOR Sou fruto da grande Misericórdia de Deus, esse Deus que é tão grande e bom. Um dia escutei sua voz a me chamar e deixe-me conduzir por esse amor que transformou a minha história. Sua palavra me diz: “Antes que no seio materno […]

MINHA VOCAÇÃO É ME DOAR E POR AMOR DAREI O MEU MELHOR

Sou fruto da grande Misericórdia de Deus, esse Deus que é tão grande e bom. Um dia escutei sua voz a me chamar e deixe-me conduzir por esse amor que transformou a minha história. Sua palavra me diz: “Antes que no seio materno fosse formado, eu já te havia consagrado, e te havia designado profeta das nações” (Jr 1,5).

Nascir em uma família Católica na qual sou grata aos meus pais por ter me transmitirem a fé. Desde criança sempre participei da Igreja, da catequese, missas e encontros. Mas existia entre mim e Deus uma relação distante, como jovem normal iniciei minha adolescência em uma fase de descobertas, com uma grande sede de liberdade eu queria conhecer o mundo e ser independente.

Ainda bem que foi pouco tempo, pois o Senhor cedo me chamou aos 14 anos quando eu iniciei a catequese do Crisma no ano de 2002. Aquela fase para mim era de incertezas e medo. Fui para catequese por costume, por que meus pais mandavam, mas eu não sentia vontade, envolvida com amizades fora de Deus buscava algo que me realizasse, buscava respostas de muitas coisas e entre elas por que havia sofrimento, o por que de tantas coisas. Mas no real existia dentro de mim a sede de conhecer a felicidade, mas sozinha eu não sabia por onde começar esse caminho.

Concluindo o ano de catequese eu estava na Igreja junto a muitos jovens para receber o Sacramento da Crisma e na pregação o Bispo na época Dom Adelio Tomasim na homilia disse jovem Cristo vos chama o que você espera para entregar a Ele sua vida? Naquele dia foi o primeiro grito de Deus para mim. Eu não entedia; “Deus me chama”…Rapidamente Deus foi agindo, alguns dias depois recebi um convite da minha Madrinha de Crisma para participar de um grupo de Oração, algo também desconhecido para mim e novidade também na minha cidade. Aceitei, nem sabia eu que naquele dia o Senhor estava me chamando a segui-lo de perto, assim como chamou a Pedro Ele me dizia vem e segue-me, eu ainda não entendia e me questionava por que eu?

Quando digo que sou fruto da misericórdia é por que o Senhor quis conta com minha pequenez para realizar uma grande obra de salvação na minha vida, na minha família e na vida de muitos. Em 2003 tive minha primeira experiência com Batismo no Espírito Santo, conheci a Renovação Carismática Católica em um Congresso Diocesano em Quixeramobim – na época coordenado pela comunidade Mariana Boa Semente. Naquele encontro me sentia atraída e amada por um Deus muito grande e intimo, estava agora junto de mim como Pai á me guiar nesse novo que estava vivendo.

Conheci uma Igreja viva, um jardim florido de vocações, descobrir que ali era o meu lugar e eu tinha encontrado o maior de todos os tesouros, Cristo o amor que vale apena amar. Na sede de ir adiante nesse caminho em agosto de 2005 fiz o despertar da Comunidade Mariana Boa Semente onde já me sentia atraída a viver o carisma da comunidade, sentia nos irmãos a alegria do Cristo Ressuscitado, o amor pela Palavra de Deus encarnada. Em Outubro do mesmo ano ingressei como aspirante da obra, buscando como Maria dizer sim e me doar a Deus e aos irmãos na missão evangelizadora. Encontrei na comunidade a formação cristã para o crescimento e amadurecimento da fé. Unida Rcc e servido na paróquia, engajada nas pastorais posso dizer eu encontrei o meu lugar no coração da Igreja.

Hoje sou consagrada como Leiga na dimensão de Aliança, onde busco viver as promessas do meu Batismo, me colocando a serviço da Igreja aonde o Senhor quer. Estou este ano vivendo um ano de experiência de missionária como voluntária na Casa de Missão da Boa Semente no Santuário N.

Sra Imaculada Rainha do Sertão em Quixada-Ce. Sou Boa Semente e Sou Feliz, sou grata a Deus por minha Vocação. Como Maria quero ser perseverante na vontade do Pai.

Luzia Facundo da Silva

2 Comentários
  1. Alânia Nogueira disse:

    Seu testemunho é a prova viva das palavras de São Francisco, “Saiam e preguem o Evangelho, se necessário for, usem as palavras”, eis que passas Deus em tua vida irmã. Obrigada por seu sim, que afeta a mim benevolentemente!

  2. Ir.Elena disse:

    Obrigada Luzia pelo teu sim, teu testemunho edifica a minha vocação ,que o espírito santo te faça fiel aos planos e projetos de Deus que vc esteja sempre disponível para corresponder com alegria e gratidão a voz do senhor que fala ao teu coração aberto e acolhedor.

Deixe o seu comentário!

Lojinha Boa Semente Faça seu Pedido: (88) 9 9772-3677

Notoris - Agência Digital